quarta-feira, 3 de março de 2010

Campeonato Nacional de Ginástica Rítmica - uma simbiose perfeita no estilo, estética e beleza das atletas


O Pavilhão Desportivo Municipal de Portalegre foi palco do Campeonato Nacional de Ginástica Rítmica (feminino), prova organizada pela Federação de Ginástica de Portugal e pela Empresa Kebrostress, e contou com a participação de 200 ginastas.Na competição, a presença dos melhores atletas de Ginástica Rítmica proporcionou um espectáculo admirável, com cor, beleza e arte. As atletas, desde crianças a adultos, executaram os mais variados exercícios com bola, corda, maçãs, arcos e fitas, a provar existir um óptimo trabalho dos seus responsáveis.Esta iniciativa, em termos classificativos, tinha uma grande importância, já que contou para o apuramento das atletas para o Campeonato do Mundo de Ginástica Rítmica.Um dos objectivos do Município local ao apoiar esta iniciativa passou por promover o desporto, chamando a atenção dos Clubes e Escolas, no sentido de apostarem nesta modalidade que, em tempos, encheu o Pavilhão com os Saraus de Ginástica realizados durante as Festas da Cidade.A Ginástica RítmicaA Ginástica Rítmica é uma actividade desportiva onde os atletas, nos seus movimentos criativos artísticos de corpo, contam a inspiração nos exercícios de ballet, ginástica e dança teatral. São realizados numa simbiose perfeita no estilo, estética e beleza das atletas, visivelmente satisfeitas e, no final do apuramento, emocionadas com os títulos conquistados.

Os seus movimentos são acompanhados com a música e coordenados com os aparelhos desta modalidade olímpica que só é praticada por atletas do sexo feminino a nível de competição. Ainda a reter nesta modalidade, é que há muitas exigências de rendimento e exactidão que as ginastas atingem após treinos muito intensos e diários.
"Diversificar o desporto"O presidente da CMP, Mata Cáceres, disse-nos na parte final do Campeonato que "apoiamos estes evento porque é conhecida a nossa aposta de diversidade do desporto. Aos técnicos tenho recordado os tempos de ginástica desde o Liceu. Há uma lacuna nesta modalidade e desde que a CMP possa ajudar a dinamizar penso que estes Campeonatos Nacionais foram uma boa e interessante iniciativa".Ana Manteiga, vereadora do Desporto da CMP, recordou que "esta iniciativa surge com a história que Portalegre já teve em termos de saraus de ginástica rítmica, uma modalidade que actualmente não está a ser praticada pelos Clubes, pois apostam em outras áreas".

E por essa razão "quisemos dar um incentivo para se voltar a praticar esta modalidade. Esperamos que para o ano se possam trazer outra vez estes Campeonatos a Portalegre", confidenciou a vereadora, realçando que a oferta hoteleira "esgotou". Segundo disse, "foi uma resposta extremamente positiva, inclusive do público que encheu o Pavilhão".
Pedro Barbas, da CMP, como conclusão fez uma análise muito positiva, referindo que passaram pelo Pavilhão cerca de duas mil pessoas. "Os Campeonatos correram às mil maravilhas, e quem sabe ambicionar mais para o futuro", declarou.Eunice Lebre"Aposta na descentralização"A responsável pelos Campeonatos a nível da Federação de Ginástica de Portugal, Eunice Lebre satisfeita, adiantou que "estes Campeonatos são uma aposta na descentralização e mostram a ginástica rítmica a todo o País". Segundo explicou, "pretendemos assim mostrar ao Alentejo que é possível fazer esta actividade com os jovens".
Quanto à passagem por Portalegre, Eunice Lebre confessou que "tudo correu bem e fomos recebidos com muita simpatia nesta bonita Cidade". Sobre o desenvolvimento desta modalidade em Portugal Eunice Lebre considerou que "tem sido muito bom", e fez questão de referir que neste campeonato estiveram presentes 24 Clubes.

João Vintém 
"Iniciativa louvável"João Vintém, director Regional do Instituto de Desporto de Portugal expressou-se nestes termos. "Estes eventos são sempre muito importantes para o interior do País. É uma iniciativa louvável da CMP e da Federação de Ginástica que o Instituto de Desporto apoia. A Cidade esteve cheia de pessoas que vieram de vários pontos do País, promoveu-se esta Região, e a Direcção Regional está disponível para apoiar dentro das suas limitações".A encerrar o ciclo de declarações, Alexandre Santos, da Empresa Kebro-stress, observou que "estamos a dinamizar várias iniciativas", e realçou que o Campeonato "foi uma aposta da CMP". Segundo confidenciou "esta Cidade merece, e é excelente para vários eventos desportivos".Elogiando a CMP, Alexandre Santos admitiu que "encontrámos uma autarquia muito dinâmica, e para nós é importante, houve estrutura, e qualidade organizativa a provar que no interior também existem pessoas e concelhos com grande dinâmica, daí estes Campeonatos em Portalegre".Classificações Ginástica Rítmica Juvenis1ª Inês Pinheiro SAD2ª Ines LeãoJuniores Especial1ª Luísa Matos GGA2ª Inês Pinho SAP1ª Maga Almas CRDM2ª Vânia Rodrigues CRDMGeral Especial 1ª Raquel Tiago EGA 2ª Maria Rito SADExercício Especial 1ª Raquel Trigo EGA2ª Linda Nunes EGAExercício Geral 1ª Vânia Rodrigues CRDMSeniores 1ª Barbara Fernandes GCST2ª Carla Dias AAE3ª Ana Gaspar CIRL

Textos: João Trindade
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...